(44) 9 8814-5099

BLOG

Home > Blog > Destaques > IMPORTAÇÃO EM 3 SIMPLES PASSOS

IMPORTAÇÃO EM 3 SIMPLES PASSOS

4 de março de 2021
Nenhum comentário

Olá pessoal…tudo blza !!!
Hoje venho falar de como fazer importação de forma simplificada, ou seja trazer uma reflexão para o futuro importador, empresário que buscar ganhar dinheiro comprando e vendendo produtos da China.
Então fique ligado…
Para atuar na área de comércio exterior o empresário precisa pensar e refletir em vários aspectos que podem viabilizar o projeto ou até mesmo inviabilizar. Entretanto o plano de negócios é imprescindível para sua tomada de decisão.
Hoje vamos falar de 3 simples passos que o empresário deve se atentar quando fazer a importação empresarial.
PRIMEIRO PASSO: ENCONTRAR UM FORNECEDOR NA CHINA
Pode se parecer simples e fácil, mas encontrar um fabricante ou fornecedor daquilo que busca com preço, qualidade, confiabilidade e disposto a fazer cooperação comercial, não é nada fácil.
Quando falamos em China, falamos de um universo gigantesco onde o mundo inteiro quer fazer negócios, um país onde a cultura exportadora é desenvolvida desde cedo com seus antepassados e que existem indústrias e fábricas desde fundo de quintal como também mega empresas bilhonárias que exportam para o mundo inteiro.
Então, buscar um bom fornecedor na China requer paciência, estratégia, investimento e estrutura para lhe garantir o sucesso do negócio na China.
Antes de sair aí garimpando pela internet produtos e fornecedores, busque empresas e profissionais experientes no mercado Chinês, isso é muito importante.
Foque em buscar o melhor fornecedor, estude se informe e pesquise muito sobre seu futuro parceiro comercial, pois daqui pra frente ele será a “galinha dos ovos de ouro.”
SEGUNDO PASSO: FAÇA O CUSTO DO PRODUTO A SER IMPORTADO
Bom…é nesse momento que você empresário precisa saber os detalhes dos preços para comparar no Brasil e não menos importante que o primeiro passo, mas sim o essencial para sua tomada de decisão.
Com o fornecedor nas mãos acredito eu que você já pesquisou o site dele, apreciou os produtos, viu os detalhes das fotos, já falou com os vendedores, já sabe pra onde eles exportam e sua capacidade de atender o mercado brasileiro. …ufaa já buscou todos os detalhes para a formação do preço na importação.
Em posse dessas informações, agora você pode montar a planilha de custo, saber quais os impostos incidentes através da NCM, saber se é um produto que exige alguma Licença de Importação e abrir todo o custo envolvido numa operação internacional.
É nesse momento que o Preço FOB (preço na China) se transformará no preço CIF (nacionalizado) no Brasil.
Depois de convertido do dólar para o real com toda a cadeia acumulativa de impostos federais, estaduais, aduaneiras e portuárias, você irá saber se vale a pena ou não investir na importação.
Concluo dizendo que esse segundo passo pode ter um fator decisivo para avançar ou não o projeto. Então se atente aos detalhes, faça muitas contas e…sucesso amigo.
TERCEIRO PASSO: SABER PRA QUEM VAI VENDER A MERCADORIA NO BRASIL
Eu podia colocar esse tópico como sendo o primeiro…concorda !!!
Digo isso porque se fizer os dois passos anteriores e ainda não tiver bem claro pra quem vai vender o produto importado aqui no Brasil, aí você está f…ferrado.
Importar da China não é um bicho de sete cabeças e sim um cuidado maior, pois se você comprar errado a mercadoria não é igual fazer um pedido aqui no Brasil que em pouco horas você pode devolver o produto com baixo custo logístico. Ao contrário, você terá um enorme dor de cabeça se quiser devolver senão amigo, assume a bronca e seja que Deus quiser.
Essa etapa defini de que forma você vai vender, se é e-commerce, atacado, varejo ou atacarejo.
É nesse momento que você precisa definir seu público alvo, seu cliente final aquele que irá consumir seu produto. É nesse momento que se defini sua estrutura comercial, suas formas de vendas e sua região de atuação. Precisa estar muito claro quem irá consumir seu produto, pois caso você tenha dificuldade de escoar a mercadoria no Brasil e o giro de estoque for alto, você tanto perderá dinheiro como empatará um capital que não rende juros.
Nunca compre para estocar e sim para atender a necessidade do cliente no Brasil de tal modo que não falte mercadoria quando este te solicita.
Vai por mim…se você refletir bem sobre esses 3 simples passos, você já está no caminho certo e será um brilhante importador no Brasil.
Fica aí a dica pra quem depende de produtos importados e está pensando em abrir uma Comercial Importadora.
E termino dizendo que “O Impossível é hoje você fazendo um pouco de cada vez com foco e disciplina”
Pense nisso, fiquem com Deus e até a próxima.

COMENTÁRIOS:

Nenhum comentário foi feito, seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *